Campeão do Future MMA, Elismar Carrasco busca chance internacional: “Preciso apenas de uma oportunidade”

Goiano coroou grande fase com cinturão conquistado no último dia 16 de outubro pelo Future MMA

Elismar Lima da Silva, ou simplesmente “Carrasco” fez valer o apelido com mais uma grande vitória no cenário nacional. Escalado inicialmente para enfrentar Gabriel Braga na luta principal do Future MMA 12, o atleta teve dois rivais substituídos até o dia da luta que ocorreu no dia 16 de outubro. Chamado de última hora Rafael Coxinha aceitou o desafio para enfrentar o goiano.

fotos divulgação do evento

Andando para frente o tempo inteiro, Carrasco perseguiu o rival durante os 5 rounds da luta principal do Future MMA 12. O atleta goiano viu o rival 10 anos mais novo manter a luta equilibrada no primeiro round, porém, Elismar manteve o controle do combate nos demais assaltos. 

Primeiro campeão da história da divisão peso-pena do Future MMA, Carrasco não poderia estar mais feliz com o atual momento que vive na carreira, e a recepção que teve em seu estado natal:

— A recepção foi a melhor possível, amigos, família, todo muito com muito carinho, por onde chego me parabenizam e me elogiam, isso não tem preço. Tenho pessoas maravilhosas ao meu lado sempre. Só tenho a agradecer a Deus por isso.

Representante da Junão Fighters, Elismar Carrasco anotou no último dia 16 a vigésima segunda vítima na carreira. O atleta que protagonizou uma das maiores viradas no cenário nacional ainda na quinta edição do evento retornou para coroar a grande fase com o cinturão. Questionado sobre a importância desse título, Elismar revelou ter dado mais um grande passo na carreira:

— É um evento grande, respeitado, com esse título acabo ficando mais conhecido, fico honrado por ser o novo campeão peso-pena do Future MMA, porém, mantendo a humildade sempre — destacou Carrasco.

Carrasco vive no momento uma fase única no Brasil, embalado por 5 vitórias consecutivas, o atleta tem no currículo passagens por eventos como o Jungle Fight, Shooto Brasil e recentemente, em 2019, o WWFC, evento ucraniano no qual derrotou Khasan Askahabov, uma das maiores promessas do leste europeu.

De olho em voos ainda mais altos na carreira, o atleta que tem como característica o estilo humilde falou sobre o que acredita que falta para assinar com algum grande evento internacional:

— Acredito que falta eles me olharem (risos), estou pronto, preciso apenas de uma oportunidade para mostrar o meu trabalho, vou mostrar que esse comedor de pequi pode fazer história no mundo. Só preciso que me olhem, olhem a minha história, para as minhas lutas, que vejam que estou preparado para enfrentar qualquer lutador da minha categoria, eu nasci pra isso, nasci para bater! — declarou o goiano.

Carrasco soma 9 vitórias em suas últimas 10 lutas, campeão peso-pena do Future, o goiano é um nocauteador nato, somando 12 vitórias pelo método na carreira, o atleta tem sido um dos principais destaques do cenário nacional nos últimos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *